Notícia: xorg-server 1.16 está disponível

A nova versão vem com as seguintes mudanças:

  • X não precisa de root com a ajuda do systemd-logind, isto significa que é necessário ser executado a partir do mesmo terminal virtual que foi usando para logar, redirecionando a saída padrão também quebra a execução sem root. A antiga execução com root pode ser restaurada através do arquivo de configuração Xorg.wrap (man xorg.wrap). Observe que executar o X através de um gerenciador de login (gdm, kdm, ...) ainda não fornece acesso sem root.

  • Os arquivos de configuração padrão estão agora no /usr/share/X11/xorg.conf.d, todas as configurações do host ainda estão no diretório /etc/X11/xorg.conf.d/. Observe que os arquivos 10-evdev.conf e 10-quirks.conf no /etc/X11/xorg.conf.d podem ser renomeados com o sufixo .pacsave, os quais podem quebrar sua configuração, então apenas renomeie e remova o sufixo .pacsave.

  • Melhor renderização acelerada glamor, pacote glamor-egl em desuso.

  • Um novo pacote xorg-server-xwayland que permite executar aplicações X dentro de uma sessão do wayland.

  • O pacote xf86-video-intel não fornece suporte a dri3 por causa de vários bugs de renderização.

URL da notícia: https://www.archlinux.org/news/xorg-server-116-is-now-available/